top of page
  • Foto do escritorEscola Montessoriana

Método Montessori: Os pais devem evitar o uso da tecnologia?




É praticamente impossível fugir dos dispositivos tecnológicos nos dias de hoje. E não há o que discutir sobre a enorme capacidade que eles possuem de entreter as crianças. Mas a verdade é que esses recursos podem atrapalhar o desenvolvimento natural da criança e ainda podem estressá-la.


O que diz o Método Montessori?


O método Montessori considera a fase sensorial do desenvolvimento até os seis

anos de idade. Nesta fase é fundamental que as crianças trabalhem todos os sentidos. O natural desenvolvimento das habilidades das crianças acontece com base na exploração e na curiosidade infantil. Por isso, no início, trabalha-se poucos sentidos de cada vez, justamente para evitar os excessos que podem confundir a mente da criança.


Dessa forma, os dispositivos tecnológicos, como o celular, tablet, notebook e a televisão, transmitem informações demais. O mundo real é bastante estático e menos brilhante do que o mundo das telas. É tudo em excesso, cor demais, som demais, o que pode cansar o cérebro da criança e atrapalhar o desenvolvimento natural.



Na Montessoriana Escola Infantil, acreditamos que nesta faixa etária existem aspectos mais relevantes do que ferramentas tecnológicas. A sala de aula Montessoriana é muito rica em materiais sensoriais e desenvolver as habilidades através da estimulação sensorial é mais rico e necessário do que o uso de tecnologias. Isso não deixa a sala obsoleta, até porque as crianças já recebem esses estímulos em casa. Então, na escola, as crianças se permitem sentir, experimentar, brincar, pintar. Quanto mais concreta e real for essa realidade, mais ganhos as crianças terão.


E o que fazer se a criança já é muito acostumada com as novas tecnologias?


É possível mudar e diminuir o tempo das crianças nesses dispositivos. A ideia é oferecer mais atividades do mundo real, em vez de tirar os dispositivos. Assim, aos poucos a criança naturalmente irá fazer essa mudança. Por exemplo, se a criança está acostumada a passar o final de semana assistindo desenhos na televisão, pode-se tentar trocar por atividades montessorianas de interação.



É complicado fugir das tecnologias nos dias de hoje, mas os pais devem se esforçar para que o tempo de uso não seja exagerado. Além disso, deve considerar o estilo de vida deles mesmos nessa decisão. Se os próprios pais diminuírem o tempo de exposição, as crianças poderão seguir o exemplo. O método Montessori considera que se educa a criança a partir do mundo em que ela vive e a primeira infância é um momento que não volta, são experiências que não terão em outra fase da vida. Aproveitem para deixar as telas de lado.

704 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page