• Escola Montessoriana

A história de vida de Maria Montessori: O início de tudo.

Atualizado: Set 2



A partir de hoje, iremos contar a história de Maria Montessori desde o nascimento em uma cidade pequena da Itália até o seu grande legado educacional.


Faremos uma espécie de linha do tempo para que você conheça mais sobre as experiências de vida e a personalidade dessa mulher incrível! Acompanhe com a gente!


A infância de Maria Montessori


Agosto é o mês de aniversário da nossa querida Maria Montessori. Ela nasceu em 31 de agosto de 1870, na pequena cidade de Chiaravalle, no leste da Itália.


Quando tinha 5 anos de idade, mudou-se para Roma com a família e um ano mais tarde entrou na escola.


Maria se diferenciava não pelos estudos, mas pela personalidade que tinha. Tinha um caráter forte, com um grande senso de dever e de natureza assertiva. Por conta disso, muitas pessoas a admiravam, ao mesmo tempo que outras não gostavam de sua personalidade. Maria foi por muito tempo impopular entre muitas pessoas.


Sonho da matemática


Na Itália, naquela época, a maioria das moças não chegava a pensar em uma carreira. O caminho era casar e ter filhos. Algumas ainda conseguiam se dedicar ao ensino. Maria, porém, queria aprender matemática.

O estudo era muito inacessível para mulher, assim, Maria precisou se matricular em uma escola secundária para rapazes.


As decisões assertivas de Maria Montessori criaram muito atrito na família, principalmente com seu pai que acreditava que ela deveria casar. Já a mãe a estimulava quando podia, uma vez que a sociedade impedia muito que as mulheres dessem qualquer opinião.

Assim, Montessori decidiu que seu futuro não seria como seu pai queria e tomou uma decisão importante para o resto da vida: ela seria médica.



A escola de Medicina


As experiências que Maria Montessori passaria na escola de Medicina influenciaram para sempre as suas ideias e suas atitudes. Na escola, Maria e as outras alunas tinham muitos problemas. Nos intervalos, eram obrigadas a permanecer em sala para serem protegidas dos rapazes, uma vez que se considerava impróprio que os dois sexos ficassem juntos no pátio. Ela passou várias situações com os colegas que faziam comentários grosseiros e balançavam a sua mesa enquanto escrevia, riam e frequentemente a interrompiam.


Sem contar que o ensino era decorar e repetir em coro o que os professores diziam.

Isso, inclusive, viria a encorajar Montessori a pensar em métodos menos maçantes de ensino.


Por fim, mesmo com todas as dificuldades que uma mulher vivia naquela época, Maria Montessori tinha uma inteligência incomum e era muito interessada por assuntos científicos. Ela passou nos exames com notas altas e em 1886, aos 16 anos, entrou para a escola técnica.


Maria seguiu seu caminho, mas tudo o que viveu na escola ficou marcado nela para sempre.









1 visualização
Nossa Localização:
Endereço:

SHC EQS 116/316 Bloco “C” 70.386-400 – Brasília – DF

Telefones:

(61) 3345-0445  / 3245-4443

Segunda à sexta - 8:00 - 18:00

© 2020 by Escola Montessoriana |  Terms of Use  |   Privacy Policy