• Escola Montessoriana

As crianças gostam de ler? Como criar o hábito da leitura



Temos a ideia de que ler é uma atividade calma e passiva, em que a criança senta e absorve. Mas na abordagem Montessori, a leitura possui muitos aspectos ativos. Para que seja bem aproveitada, a leitura pede que a criança reaja ao livro. Isso significa que ela deve ser livre para manipular o livro conforme seus interesses. Assim, ela pode pular páginas, mudar de livro, ler várias vezes a mesma história, ler em qualquer momento que sentir vontade, querer comentar sobre alguma passagem e assim em diante.


Assim, a leitura para ser completa precisa permitir que a criança se sinta livre para criar os seus próprios hábitos de leitura.

3 dicas para fazer uma criança amar a leitura

1. Identifique a emoção que desperta o interesse da criança.

Existe o senso comum de que poucas crianças possuem o gosto pela leitura. Mas como todo hábito, é necessário ser estimulado para se fortalecer. No caso da leitura, a criança que irá realmente se tornar um leitor, primeiramente precisa desenvolver o prazer pelas histórias e pelas emoções que a atividade permite sentir.

O gosto vem antes do hábito e para que a criança goste, deve-se identificar quais emoções a animam e chamam a atenção dela. Todos os sentimentos são importantes e sempre existirá um livro que a criança gostará de ler. A chave é encontrar onde está esse interesse para, então, iniciar o hábito.


Assim que o interesse se construir, o hábito deve ser fortificado com paciência. Buscar novos livros do gênero, mudar o gênero ou procurar leituras mais difíceis.



Fonte: Reprodução/Canva


2. Crie o cantinho da leitura.

O cantinho de leitura é uma pequena biblioteca bem acessível à criança, a fim de incentivar que a leitura ocorra de maneira espontânea.

O local deve ser confortável para que a criança possa sentar, deitar e ficar à vontade para mudar de posição durante a leitura. A estante com os livrinhos deve permitir que a criança os alcance sem dificuldade. O importante é facilitar o máximo possível o momento que a criança sentir vontade de ler e evitar barreiras que a façam desistir.

Além disso, é importante deixar os livros com as capas visíveis (e não de lado) para atrair a criança.



Reprodução: criandocomapego.com


3. Dê o exemplo para seu filho.


É importante dizer: As crianças precisam ver o adulto lendo. Não adianta

apenas montar o espaço, descobrir o interesse ou pedir que a criança leia. Ela apenas irá entender o prazer da leitura quando ver a mamãe ou o papai se divertindo com os livros também.

Os adultos podem começar lendo para as crianças, mas mais do que isso, elas precisam ver que eles leem para si mesmos. A partir disso, estenda o prazer da leitura, comente trechos dos livros depois de ler, relembre no dia seguinte e faça da leitura uma atividade com vários desdobramentos.Mais do que o contato com o livro, a leitura pode gerar reflexões, ideias novas, inspiração para desenhos.

Isso permitirá que a criança entenda a dimensão que a leitura é. A leitura não acaba quando o livro se fecha e essa é a maior lição que a criança precisa aprender para se tornar um adulto leitor.

Fonte: Reprodução/Canva.


27 visualizações
Nossa Localização:
Endereço:

SHC EQS 116/316 Bloco “C” 70.386-400 – Brasília – DF

Telefones:

(61) 3345-0445  / 3245-4443

Segunda à sexta - 8:00 - 18:00

© 2020 by Escola Montessoriana |  Terms of Use  |   Privacy Policy