• Escola Montessoriana

3 MITOS sobre a educação Montessori e a verdade por trás deles


A teoria montessoriana carrega consigo alguns mitos que distorcem seus verdadeiros ensinamentos tão valiosos. Por conta disso, é importante desfazermos dessas ideias e entendermos o que está por trás delas.


Mito 01:

No método montessoriano, a criança faz o que quer!

Montessori valoriza muito o respeito ao indivíduo e estimula o desenvolvimento de sua liberdade e autonomia. Portanto, a teoria deseja ensinar à criança a tomar as próprias decisões. Mas isso não significa falta de limites. Muito pelo contrário, a autonomia só existe quando a disciplina foi anteriormente estimulada.


A falta de limites gera medo e insegurança na criança. Portanto os limites são necessários e têm uma função. É importante reconhecer uma autoridade, mas não o autoritarismo. Assim, o que Montessori propõe é uma nova perspectiva sobre a liberdade e a disciplina, de forma que a criança, primeiramente, se guie pelos limites dados pelo adulto responsável e, com o tempo, por si mesma.




Mito 02:

No método montessori, a criança "aprende brincando"!


Essa é uma frase muito comum, porém não é assim que funciona. Montessori entende que o "trabalho" para teoria não é algo sofrido e, portanto, quando as crianças querem realizar atividades, elas querem trabalhar e gostam de fazer isso, sem necessidade de castigos ou recompensas externas.



Assim, brincar é na verdade o próprio trabalho da criança. Ou seja, enquanto realiza atividades espontâneas, a criança não brinca, ela trabalha para a construção de si mesma e para o desenvolvimento de seus potenciais.



Mito 03:

A educação Montessori é contra o uso da tecnologia.


A tecnologia possibilita utilizar ferramentas de aprendizagem que ajudam muito na teoria. O que acontece é que elas são apenas UMA ferramenta, dentre várias outras que existem. Portanto, depende de como e o quanto são utilizadas.

A teoria montessori valoriza o aprendizado com menos telas, é verdade, porque desenvolver as habilidades através da estimulação sensorial é mais rico e necessário do que o uso de tecnologias. Quanto mais concreta e real for essa realidade, mais ganhos as crianças terão. Porém, isso não significa que a tecnologia nunca deva ser usada.


Se a atividade com tecnologia tiver um foco de aprendizado, pode ser uma ótima ferramenta.



E você? Já sabia de todos esses mitos?

Conte para a gente nos comentários qual deles você já ouviu.



4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo